Trabalhos 2016

Escola Básica de Abadias (Figueira da Foz)

Escalão 1 - jardins de infância e escolas de 1º ciclo

Fotografias:

Se sumo de fruta beber, muita saúde vou ter!
Trabalhámos com afinco, para tudo ficar bonito.
Em equipa trabalhar, para bons resultados alcançar!
Fruta todos os dias <br/>que bem que nos fazia!
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva
apresentação dos frutos que não conseguimos inserir na memória descritiva

Memória Descritiva:

Metodologia- O trabalho foi realizado por alunos das turmas do 3º e 4º anos de escolaridade, num total de 10 alunos.
Os alunos decidiram que queriam fazer uma composição de frutos num cesto com um fruto maior com uma palhinha, pretendendo assim dar a perceber que quase todos os frutos se podem consumir em sumo para todos beneficiarmos do valor da fruta.
Com a ajuda da professora coordenadora do projeto e depois de um trabalho de pesquisa, escolheram o modo como iriam construir os frutos e o cesto, Decidiram utilizar várias técnicas e escolheram os frutos que mais apreciavam, bem como os que mais consomem no refeitório da escola, nomeadamente a maçã, a pera, a banana e a laranja. Decidiram também construir um figo por referência à lenda ligada ao nome da Figueira da Foz.
O cesto foi construído com tiras de embalagens tetrapack de sumo entrelaçadas. O trabalho foi realizado em equipa, uns cortavam as tiras, outros dobravam-nas e outros encaixavam umas nas outras, de modo a formarem o entrelaçado que pretendiam. Feito o entrelaçado, este foi colado numa estrutura de um cesto velho forrado com papel verde.
Processo de construção dos frutos:
1. Frutos com formas de sólidos geométricos - A partir de formas geométricas, efetuaram as dobragens e colagens de modo a obterem os frutos pretendidos. Nesta técnica efetuaram uma banana, uma pêra, um ananás, uma maçã, metade de um kiwi e dois morangos.
2. Frutos construídos com sobreposição e colagem de vários moldes de fruto - Os alunos recortaram vários moldes de frutos, colando uma metade a outra, formando assim um fruto tridimensional. Usaram esta técnica para construírem a pera grande, o figo, metade de um abacate e uma maçã.
3. Frutos construídos com entrançado e tiras de pacotes – Criaram uma laranja com os restos do entrançado do cesto e de tiras que tinham cortado para o mesmo.
4. Frutos construídos com argolas e círculos – Construíram um cacho de uvas com argolas feitas com tiras de pacotes que cobriram com círculos recortados dos pacotes, usaram a mesma técnica para fazerem as cerejas.
Materiais utilizados – Usaram embalagens tetrapack de sumo compal pequenas e grandes, um cesto velho sem asa, papel verde, cola, uma palhinha, pauzinhos de madeira colhidos na natureza, para usarem como pedúnculos dos frutos. Nalguns frutos foram usadas folhas naturais, que os alunos trouxeram dos seus jardins ou hortas: folha de videira nas uvas, folhas de figueira no figo, pedúnculos de morangos.
Foram ainda usadas tintas de vitral para contornar os frutos, de modo a dar-lhe uma tonalidade aproximada do real, sem cobrir os pacotes, permitindo que se evidenciasse sempre a marca compal.
Na parte central do cesto decidiram colocar todos os elementos referentes à compal e embalagens tetrapack.
Trabalho complementar:
Os alunos realizaram pesquisas na internet sobre os vários frutos e construíram uma apresentação em powerpoint que partilharam com os colegas da turma. Nessa apresentação incluíram a origem do fruto, as suas qualidades, benefícios e método de produção, bem como um desenho do fruto, que retiraram da internet e pintaram no paint.
Como não conseguimos inserir aqui a apresentação, juntámos no sítio das fotos em formato jpeg